Hoje, eu escolho…

a escolha é sua pensamento positivo blog o eu melhor

Quantas situações você já viveu em que o seu comportamento foi parecido com o do motorista de ônibus, situação que eu contei no primeiro artigo deste blog?

Quantas vezes reagimos às situações com uma energia negativa sem necessidade? Não sei qual foi a sua resposta, mas eu estou aprendendo, não sem dificuldades, a controlar os pensamentos e, consequentemente, as ações negativas. Não é um exercício fácil, mas é extremamente necessário se quisermos ter uma vida com mais sentido e equilíbrio.

Enxergar os acontecimentos da vida de forma positiva não significa tapar os olhos para o que acontece ao seu redor, nem minimizar as dores e decepções que eles podem ocasionar. Este exercício e forma de ver a vida é a expressão da nossa capacidade de ser resiliente: ou você vive aquele evento e se fecha em si, ou você se projeta em algo positivo no seu futuro, próximo ou distante, e age na direção daquela realização. Mesmo quando o evento te faz “se fechar em si”, pensar positivo é o que vai te fazer procurar uma ajuda profissional adequada para melhorar sua vida. Ninguém procura ajuda sem intenção de melhorar.

De que forma você tem enxergado sua vida: de forma positiva ou negativa? Que direção suas ações e resultados têm tido? Você tem visualizado uma vida boa e agido nessa direção ou você só tem reclamado de tudo e de todos?  Até mesmo as reclamações sobre certos assuntos podem se tornar energia positiva, mas unicamente se você estiver agindo de acordo com o que acredita  e se movendo para provocar mudanças.

Hoje, você escolhe ver o copo meio vazio ou meio cheio?

2 comentários sobre “Hoje, eu escolho…

  1. Marina disse:

    Nossa, essa foto do post está muito boa… Dá um frio na barriga se ver diante de tantas portas… Ultimamente ando mais reclamona do que positiva… meio descrente de que certas coisas podem mudar. Tento tentado escolher ficar bem com certas coisas, mas isso não seria me enganar? Admitir que as coisas não estão bem talvez seja duro, mas me impulsione a agir, como você mencionou. Não sei, estou confusa. É muito ruim isto de autorresponsabilidade, às vezes é mais fácil e melhor culpar os outros… xD

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s